8 de abril de 2015

"Gloomy Sunday", A Canção Húngara do Suicídio

۞ ADM Sleipnir




"É outono e as folhas estão caindo
Todo o amor morreu na terra
O vento está chorando com lágrimas de tristeza
O meu coração nunca vai esperar por uma nova primavera de novo
Minhas lágrimas e minhas tristezas são todas em vão
As pessoas são insensíveis, gananciosas e más ...

O amor morreu!

O mundo chegou ao seu final, a esperança deixou de ter um significado
Cidades estão sendo aniquiladas, estilhaços é fazer música
Os campos estão tingidos de vermelho com o sangue humano
Há mortos nas ruas em todos os lugares
Eu vou dizer outra oração silenciosa:
As pessoas são pecadoras, Senhor, elas cometem erros ...

O mundo acabou!"


-Gloomy Sunday - Tradução em português


"Gloomy Sunday"(Domingo Sombrio), conhecida como a Canção Húngara do Suicídio, foi composta no ano de 1933 por compositor Rezso Seress, que se baseou em um poema composto por László Jávor. Tanto a música quanto o poema se chamavam "Gloomy Sunday". Seress acrescentou alguns versos ao poema e fez correções musicais em algumas das linhas, podendo-se dizer que a música é verdadeiramente a sua criação.

A música atingiu um um relativo sucesso em 1933 e 1934 em toda a Europa e, segundo a lenda, ela inspirou uma onda de suicídios em adolescentes e adultos que a ouviram. Não existe nenhuma evidência válida que possa comprovar inteiramente isso, mas é possível que a música tenha inspirado alguns indivíduos, já deprimidos devido às condições econômicas da década de 1930, a acabarem com suas vidas.

Em 1941, a cantora americana Billie Holliday gravou a que provavelmente é a versão mais famosa da canção, sendo um dos hits da jovem cantora. A música continuou popular na década de 1940, e a versão de Holliday foi proibida no Reino Unido, devido à lenda acerca da melodia.



No ano de 1969, Seress veio a cometer suicídio. Ele pulou da janela de seu apartamento e acabou sobrevivendo à queda, porém, mais tarde no hospital, ele conseguiu se enforcar usando um pedaço de arame. De acordo com seu obituário, o sucesso de Seress com Gloomy Sunday foi um dos fatores que contribuiu para a sua morte. Ele nunca mais conseguiu obter o mesmo sucesso que teve com a canção lendária e assim acabou se afundando numa profunda depressão. Tornou-se, portanto, outra vítima da canção do suicídio.

Gloomy Sunday foi regravada várias vezes desde então, e ao que parece, foi perdendo o seu efeito conforme os anos passaram. No entanto, ainda existem uma série de suicídios em que a vítima pediu que Gloomy Sunday fosse tocada em seu funeral, ou fragmentos da música gravadas em suas lápides.


Talvez, em uma nublada e fria tarde de domingo, você leitor também acabe se deparando com um arquivo mp3 da canção, e o coloque para tocar. E talvez você descubra o segredo da canção, a razão que leva as pessoas a cometerem suicídio.


Agradecemos sua visita e se gostou da leitura, deixe seu comentário! Compartilhe também nossos posts nas redes sociais!

7 comentários:

  1. S -I - N - I - S - T - R - O - !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  2. Amei a história ♡♥♡

    ResponderExcluir
  3. Descobri o segredo, ou melhor falando, o mistério que cerca esta canção: É que a melodia é tão deprimente e a voz do cantor é tão horrorosa, que parece mais com um agouro, que a pessoa prefere se matar para não ter que ouvir! Huashuash :v
    Parabéns pelo blog, conteúdos fantásticos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Escute a versão da Billie Holiday! É linda, mas a letra é realmente triste!!!

      Excluir
  4. Ah! Tolo! Não é a voz nem agouro. O fato é que todas as pessoas tem seus momentos de felicidades e tristezas, porém ouvi-la incessantemente, tem este conjunto musical (harmonia, voz, melodia, letra) de absorver todas as suas tristezas e mazelas da vida, e expô-las à superficie. Assim, aquelas pessoas depressivas e fracas para superar suas próprias dores escolhem um caminho que a livram deste pesar e esquecem que tudo na vida é passageiro, até mesmo as lágrimas. Confesso que me sinto depressiva ao ouvi-la, mas nem por isso permitirei me entregar aos braços da morte. Há tanto que tenho que fazer em vida, tantos obstáculos a ultrapassar, que escolher esta rota é minimamente idiotisse.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não es menos tola , porque agora te sentes depressiva ao ouvi-la , nao quer dizer que nao possa aconetcer alguma coisa na tua vida que te faça queres morrer depois de ouvir esta musica ou outra qualquer. Nao vale a apena comparar o teu sofrimento com o de outros ,mas pode smepre ficar pior

      Excluir
  5. Kkkk eu acho essa canção um tanto confortadora... Sou só eu?

    ResponderExcluir



Seu comentário é importante e muito bem vindo. Só pedimos que evitem:

-Xingamentos / Ofensas;
-Incitar o ódio e o preconceito;
-Spam;
-Publicar referências e links de pornografia;
-Comentários que nada tenham a ver com a postagem.

Reservamo-nos ao direito de remover qualquer comentário nessas condições.

De preferência, faça login com uma conta do Google, assim poderá entrar no ranking dos top comentaristas do blog.



Ruby